Google+ Followers

24 novembro 2015

CONTINUANDO NO FLUXO ASCENDENTE




Por Kara Schallock
24 de Novembro de 2015


Enquanto estamos ainda sentindo as incríveis energias evolutivas do Portal 11:11, estamos recebendo agora um impulso nestas energias, que inclui o Poder de atualizar o DNA e o nosso sistema celular.

Isto é uma energia fenomenal e nos está afetando no nível do núcleo do nosso ser. Isto pode trazer algumas crenças fundamentais muito profundas que mantemos por muitas vidas e, provavelmente, você irá senti-lo fisicamente com a liberação das velhas energias.
  
Certamente, estamos em uma nova fase, uma para a qual estivemos nos preparando. Esta nova fase é potencialmente o conhecimento absoluto de que somos Divinos. O que isto significa é que você é uma Alma; você é a Fonte. Tudo começa e termina com você.

A aceleração que estamos experienciando agora é para a Integração e o Equilíbrio. 

À medida que integramos, é importante também ter muito claro que as ilusões estão ainda em sua vida. Estamos entrando no que é chamado de “Temporada de Férias” (para muitos de nós). A maioria vai cegamente às suas festas de Ação de Graças (na América), onde comem em excesso e assistem os homens se esmurrando no jogo de guerra, chamado de futebol.

Se você participar disto, você questiona ou simplesmente segue o que foi programado para fazer? Você pode ir com plena consciência. Pode se abster disto completamente e criar a sua própria cerimônia? Ou pode, simplesmente, escolher não participar disto, sob qualquer condição?

 Devemos praticar a Gratidão em uma base diária, assim por que há tanto foco no Dia de Ação de Graças? Apenas porque a programação da 3D diz que é o momento de estar com a família?

E este estranho “Black Friday” parece realmente absurdo, ou matar uma árvore para decorá-la e jogá-la fora depois de algumas semanas parecem perfeitamente bem para você?

As ilusões continuam. Aproveite este momento para ficar claro quanto ao por que você faz isto e esteja em integridade quando escolher. Não se permita se distrair com a ilusão deste período, mas lembre-se: Quem você é.

Agora é o momento de reconhecer quem você é. Seja autenticamente você. É revelador para mim quando vejo que muitos que afirmam que são autênticos, estão ainda escondendo quem eles são, quando na companhia do velho paradigma. Este poderia ser a família, os amigos, empregos, etc.

Onde você está se escondendo e por quê?

Agora não é o momento de se esconder, mas reconhecer plenamente quem você é, sem desculpas, ou o medo de rejeição. Esteja em seu Poder. Nós fortalecemos o Novo ao respeitarmos quem somos plenamente.

Embora a velha realidade da 3D esteja perdendo lentamente o seu poder, há ainda mais a fazer antes que ancoremos completamente o Novo. Isto é ajudado ao ser quem você é, em cada circunstância. Esconder-se não lhe serve ou ao Novo. Isto mantém o velho vivo e bem.

Continue a observar os seus pensamentos, lembrando-se de que eles são energia e criam.

Observe como se sente em todas as circunstâncias e, então, faça uma escolha de se alinhar com o local e com quem você se sente alegre e expansivo, deixando de lado o resto.

Você está disposto a fazer isto, ou está escolhendo manter a dualidade viva e bem?
Cabe a cada um de nós o que escolhemos fazer e onde colocamos a nossa atenção.

Um dos momentos mais capacitadores do Agora é deixar de endeusar todos aqueles que colocamos em um pedestal. Mãe Maria, Madalena, Sofia, Joana D’Arc e muitos outros aspectos do Feminino Divino foram mulheres comuns, como você e eu, vivendo apenas as suas vidas. Nós é que as colocamos acima de nós, pensando que elas foram muito mais do que nós.

Vamos trazer tudo o que idolatramos de volta ao chão e respeitá-las apenas por quem elas foram. Sim, foi um passo colocá-las em pedestais como uma maneira de ver que cada um de nós mantém aspectos delas como uma maneira de fortalecer o Feminino Divino em cada um de nós.

Agora, como tudo, é o momento de abrir mão da ilusão e simplesmente respeitar as suas essências como elas foram realmente. Sim, elas são Divinas, como cada um de nós. Não precisamos de deuses e deusas para nos permitir conhecer a nossa própria Divindade.

Respeitarmo-nos como respeitamos os santos é a nossa tarefa agora. Isto, é claro, inclui os homens que colocamos em pedestais, também, sejam eles os arcanjos, santos ou mestres ascensionados. O Feminino Divino e o Masculino Divino não são entidades. Eles são a Luz da Fonte. Eles são nós.

Também é verdade que não devemos chegar a um ponto de parada de nos rotular isto ou aquilo. Um exemplo é nos rotularmos como um sensitivo. Ser empático foi e é um passo necessário para aumentar a nossa Sensibilidade, abrirmos nossos corações e fortalecermos a nossa intuição e, ainda, rotularmo-nos como um sensitivo é interromper o nosso progresso. É apenas um passo a ser mais.

Nós agora nos movemos além de qualquer rótulo para permitir que a nossa revelação continue. Quando nos rotulamos como algo, paramos o Fluxo. Em vez disto, ofereça seus serviços sem se rotular e desta maneira, você continuará a evoluir em ser mais. Seus serviços evoluem e os velhos rótulos não servem mais.

Enquanto integramos uma frequência mais elevada, o mesmo acontece com a Terra. Toda a vida está sendo recalibrada em uma frequência superior. Portanto, haverá mais mudanças e transformações, pois as nossas formas não podem e não permanecem estagnadas. Elas mudam, como nós.

Como podemos participar disto?

Não podemos controlar esta frequência elevada, no entanto, como confiamos na Ordem Divina, independentemente do que esteja ocorrendo no mundo, abrimos e recebemos automaticamente. Ao nos concentrarmos na Ordem Divina e confiarmos que tudo está em uma perfeição mais elevada, nós nos alinhamos com esta Luz/Amor Divino elevado. 

É fácil se distrair com todo o medo agora, mas, por favor, não permita que ele permeie o seu ser, pois o medo coloca uma interrupção em tudo.

Embora você possa querer se agarrar a algo, não se agarre ao medo ou à raiva, e nem “lute contra”. Permita que o amor o permeie. O Amor pode não parecer tão real quanto o medo ou a raiva, mas quando você confia nele, ele irá mantê-lo na Graça. É o Amor, não o ódio que ajuda tudo a evoluir.

Grande parte do medo que vemos “lá fora”, é uma liberação do que não mais pertence, pois o medo, a raiva, o julgamento e toda a dualidade não podem coexistir com o Amor.

Ao darmos um passo de cada vez estamos nos movendo mais firmemente para a Confiança e o Ser. Quando deixamos de questionar o que, ou por que, abrimos nossos corações para a Aceitação, pois a Aceitação é um aspecto do Amor. Deixamos de ser buscadores e, em vez disto, respeitamos a nossa Sabedoria interior.

Reunir informações realmente não nos ajuda em nada a evoluir e pode reforçar a separação, pois isto mantém o intelecto entretido e isto mantém o ego separado em seu espaço de poder. 

Quando evoluímos para a Aceitação, a Confiança, Sendo plenamente, integramos a Unidade/União. 

Ressoar com uma coisa ou outra é um passo; assim como as intenções são um passo para a manifestação. Em algum momento, uma pessoa entende que as intenções são mais intelectuais do que o Coração e assim as deixa ir e entra na Confiança. Afinal, a Fonte Divina que é você, já sabe o que é para a sua maior evolução.

No entanto, nós damos muitos passos intermediários e isto é perfeito. Contanto que uma pessoa compreenda que não é o fim do jogo, pois a Evolução/Ascensão é infinita.

O fluxo é fundamental no Novo. Enquanto a nossa consciência continua a se expandir, assim também nós e as nossas vidas. Nada é imutável. Não há regras no Novo. Não há nada além do Amor e do Fluxo.

Enquanto você continua a evoluir, formas que uma vez você considerou como sendo para sempre, mudam para algo novo e esta é a maneira do Novo.

A única maneira de ser agora é flexível, pois sem a Flexibilidade, certamente há grande sofrimento.

O Novo agora está aqui para ancorarmos e Sermos, ainda que você não saiba o que é que você está ancorando. Assim, não tente descobri-lo, mas aproveite cada momento e sinta qual é o seu próximo passo. Se você não sabe, simplesmente esteja em cada momento, plenamente. Está bem dizer: “Eu não sei”. Respeite o conhecimento ou o não conhecimento do seu Coração.

Seja. Ame. Agora.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/11/continuando-no-fluxo-ascendente.html
http://soulsticerising.com/
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

Fonte:  http://stelalecocq.blogspot.com.br/

Nenhum comentário: