Google+ Followers

26 maio 2015

A preocupação e a Fé não podem ter o mesmo espaço em nós!






PORTAIS DIVINOS.......................................................................................... Não podemos preocupar-nos e acreditarmos ao mesmo tempo. A Preocupação e a Fé não podem ter o mesmo espaço, o mesmo tempo, a mesma frequência. A energia de voar através do ar com a maior das facilidades representa o que estamos a ser chamados a fazer. Estamos a ser chamados para soltarmos o que temos agarrado com tanta força e permitirmo-nos cair livremente de uma grade de luz para outra. O fator fé tem de ser 100%. Nada menos é aceitável, caso contrário cairemos fundo na areia movediça do medo sem nada a que nos agarremos nem ajuda ou resgate. Quando não vemos uma solução para o que acontece ao nosso coração, deixemos o Universo intervir. Façamos o que podemos e confiemos em Deus. o Universo fará o que nós não pudermos. Nós somos chamados a manter a paz meio à batalha, a ancorar com a certeza divina de que vamos chegar ilesos e vencer... Vamos alcançar o melhor da vida e da luz. Acreditar tão profunda e fortemente não é para o fraco de coração, fraco de luz, ou fraco de propósito. Permaneçamos firmes no que vive em nosso coração. Na névoa de todo o inverno, soltemo-nos e tornemo-nos uma bênção viva. Usemos a nossa luz e o nosso coração para abençoarmos o nosso semelhante. Abençoemos todos os que atravessam o nosso caminho, curando-os e santificando-os, na sua vida, na sua aparência e na sua intenção. Procuremos formas de sermos uma bênção. E não esqueçamos que o poder maior vem de Deus. O que quer que demos, em bênção, em fé, em paz conosco ou com outro nos será dado de volta em denominações de conclusão que superam quaisquer expectativas que tenhamos ou tivéssemos tido. Deixemos que o desejo do nosso coração nos leve para um lugar que nos ajudará a passar por cima de tudo, um lugar onde consigamos purificar a nossa alma. É hora de vestirmos as jóias de rubi da fé. Sintamos a beleza e o conforto da esperança a nos encaminhar para os portais divinos que são de longe maiores do que quaisquer crenças que tenhamos tido em outros planos.

Nenhum comentário: