Google+ Followers

02 junho 2017

NOVA QUEDA DAS LINHAS DO TEMPO E ABERTURA DE NOVAS REALIDADES






SANANDA 
canalizado por Elsa Farrus

"Preparemo-nos porque vêm mais situações que não podemos controlar, vem mais caos, e personalidades que se acentuarão e serão inevitáveis. E nas quais nenhuma de nossas estratégias funcionará; é aí onde as energias entrantes, com a exaustão aparente, vai nos obrigar a fazer uma pausa forçada, que rompa todos os planos que tínhamos sobre algo ou alguém."


As Linhas do Tempo estão caindo graças ao trabalho que todos fazem em nível pessoal, emocional e também às exigências energéticas coletivas dos últimos anos, criando novas vibrações de Amor e Paz.

E são tão evidentes que tomamos uma decisão e se abre uma realidade, quase de imediato, seja para uma boa realidade ou mostrar-nos que não há caminho.

Tudo isso amplificado pelas imensas energias adamantinas que chegam desde o princípio do ano, ou desde o eclipse de 2016.

Por isso sentimos que não há descanso, para a integração após integração, transformação depois de transformação, e novamente a mudança da realidade. Em dia após dia, como em uma câmara de aceleração de verdades.

Quando várias pessoas assumem um desafio pessoal, a mesma vibração, como o medo de ser ela mesma/ou ressonância, e um novo cronograma de aceitação pessoal, a linha global sustentando o medo cai, se desintegra, e imediatamente também por ressonância cria-se uma onda, que parece acelerar a todos para resolver o mesmo tema e, assim, estar unidos em unidade.

Por isso os antigos canalizadores disseram, que alguns trabalhadores da vibração sustentavam e iluminavam os outros seres vivos. Na verdade, é um pacto de Luz com Gaia e para com o nosso Grupo de Almas.

Mas o que acontece através das tempestades solares dos últimos dias, tudo parece dobrar o esforço e os desafios se tornam mais intensos, para asseverar se o nosso compromisso de amor com Gaia continua a ser autêntico. 

E uma vez que a ira daqueles que não sentem como Fluir é mais visível do que nunca, eles desempenham o seu papel nas cenas de nossas vidas, para que sigamos sustentando esse amor, e esse centro energético que é o nosso prana não polarizado.

Estamos criando uma Rede ou malha de consciência sem precedentes, sem fardo, sem julgamento, e que se move e agita a tudo o que está ao nosso redor, e também a nós, quando nos tornamos esta vibração que já aprendemos a e sentir, já decidimos como viver - por isso parece que estamos mais intolerantes, e estamos.

Todos os seres vivos que escolhem a Paz, ante qualquer desafio físico, tornam-se Guardiões da Vibração e Luz, para consigo mesmos, com o seu clã ou linhagem e com suas almas afins, e com a Consciência da Unidade.

Quanto mais avançamos com o nosso próprio eu, mais profundo é o progresso global, não temos de mudar nada, apenas transformar-nos na aceitação de nós mesmos, e os processos. Nesse encontro com o eu, nasce a nova realidade de todas as coisas que cada um tem desejado mas não sabia encontrar, uma vez que as novas linhas de tempo mostra-nos outra visão global dos fatos.

Preparemo-nos porque vêm mais situações que não podemos controlar, vem mais caos, e personalidades que se acentuarão e serão inevitáveis. E nas quais nenhuma de nossas estratégias funcionará; é aí onde as energias entrantes, com a exaustão aparente, vai nos obrigar a fazer uma pausa forçada, que rompa todos os planos que tínhamos sobre algo ou alguém.

Vamos dar uma pausa para separação temporária, quando já não estamos avançando. A pausa pode ocorrer no meio de praticamente qualquer atividade e pode durar um instante, horas ou temporadas de nossas vidas. Até chegar a aceitação do que é, em si mesmo, para o Bem Maior.

Tudo isso, incluídas as pausas, são uma oportunidade para ver claramente os desejos e medos que estão nos conduzindo em uma situação, e transformá-los, e transformar o nosso ego mais sutil, mesmo que não gostemos.

Ainda que não acreditemos, às vezes, o momento em que mais precisamos fazer uma pausa é exatamente quando se sente mais inaceitável fazê-lo, porque é a mente que decide se é ou não o momento - e a pausa é o Ser De Luz que nos alerta de fazer para trazer ordem e Soltar/liberar.

Começarmos a confiar em nossa inteligência natural, em nosso coração naturalmente sábio, em nossa capacidade de estar abertos para o que emerge.

Neste momento, a nossa vida é um Padrão De Luz, implantação criativa da Luz, de Regeneração.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://nososarcturianos.blogspot.com.br
sandramluz2011@gmail.com
Fonte - DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
http://www.ascensiongaia.es/2017/05/nueva-caida-de-las-lineas-del-tiempo-y.html
Tradução Vilma Capuano - vilmacapuano@yahoo.com.br


Fonte:   http://nososarcturianos.blogspot.com.br/


Nenhum comentário: